Cases
Rede de sorvetes alagoana espera economizar 15% nos gastos com a frotaO Frota Saas é prático, completo e tem um custo mensal baixo25/10/2010
A rede alagoana de sorvetes e polpas de frutas Fika Frio agora também tem o Frota SaaS como um novo aliado para manter o acelerado ritmo de crescimento. A empresa, que adquiriu recentemente esse sistema de gerenciamento de frota online da Guberman, já traça metas audaciosas para os próximos meses. A expectativa é de já no primeiro trimestre de 2011 reduzir entre 15 e 20% os custos com combustível, pneus e manutenção da sua frota, que inclui caminhões-baús e veículos leves.

Para o coordenador de Tecnologia da Informação da Fika Frio, André Pereira da Costa, o preço foi um grande atrativo na hora da escolha, que no caso dessa tecnologia é a partir de R$ 10,00 por veículo. “Hoje em dia, os usuários procuram por soluções no mercado completas, mas que também sejam práticas, funcionais e tenham preços baixos. Foi o que encontramos no Frota SaaS”, explica André.

Essa gestão eficiente de diversos itens da frota a um preço bem acessível deve-se ao fato de que o usuário paga somente pelo uso, uma espécie de assinatura mensal. Isentando-se, dessa forma, das licenças de uso, hardwares, servidores, banco de dados, backups e estações de configurações pesadas, que reunidas encarecem bastante os softwares padrões.

A Guberman é pioneira na aplicação dessa tecnologia na gestão de frotas. O Frota SaaS foi lançado no segundo semestre de 2008, inaugurando um novo conceito no segmento. Para empresas com filiais e pontos de distribuição em diferentes Estados, como a Fika Frio, a tecnologia SaaS torna-se ainda mais vantajosa, já que o acesso é feito por uma simples conexão com a internet.

A Fika Frio traz na bagagem a qualidade dos seus sorvetes e polpas de frutas e uma experiência que soma mais de 30 anos de mercado. A rede, que vem crescendo a cada dia, tem a sua matriz em Alagoas e operações em Sergipe, Pernambuco e Paraíba. Atualmente, a Fika Frio atende a diversos segmentos como supermercados, lojas de conveniências, bares, restaurantes, postos de combustíveis e pontos de vendas da linha impulso (picolés e embalados).